quinta-feira, 29 de outubro de 2009

Agenda Verde

Esta agenda tem por objetivo estimular os gestores públicos a incorporar princípios e critérios de gestão ambiental em suas atividades rotineiras, levando à economia de recursos naturais e à redução de gastos institucionais por meio do uso racional dos bens públicos e da gestão adequada dos resíduos.

 ESTRATÉGIAS:
1.Garantir o efetivo apoio e comprometimento dos secretários, demais funcionários, departamentos e setores com o Programa. O cumprimento desta etapa é primordial para garantir o sucesso na implementação da Agenda.
 2.Instituir uma Comissão, formada por representantes de diferentes secretarias do Município, que se responsabilizará pelo apoio e comunicação interinstitucional, bem como o acompanhamento dos projetos e atividades.
 3.Elaborar um diagnóstico ambiental dos procedimentos, identificando ponto críticos, ressaltando os impactos ambientais e fontes de desperdícios.
 4. Respaldado pelo diagnóstico ambiental, elaborar um plano de trabalho contendo os principais projetos e atividades de maior relevância a serem implantados, e que esclareça os seus respectivos objetivos, metas (de preferência mensuráveis), planos de ação, metodologia e definição dos indicadores para uma futura avaliação.
 5.Implementar, operacionalizar, viabilizar, monitorar e avaliar de forma sistêmica as ações definidas no plano de trabalho.
 6.Baseada na avaliação do desempenho ambiental das ações, a Comissão deve realizar reuniões de análise crítica em busca da melhoria contínua do Programa como um todo. E, como forma de incentivar novas adesões e fortalecer a imagem do Programa junto à população, recomenda-se divulgar os resultados positivos através da internet, folhetos, informativos, entre outros.

TEMAS ABORDADOS:
1.COMBATE AO DESPERDÍCIO E USO RACIONAL DOS RECURSOS

  • Consumo de papel

  • Consumo de energia

  • Consumo de copos plásticos

  • Consumo de água

2.GESTÃO DE RESÍDUOS SÓLIDOS
  • Implementação da coleta seletiva
  • Doação do material coletado para cooperativas
3.LICITAÇÕES SUSTENTÁVEIS
  • Inserção de critérios ambientais na aquisição de bens e materiais, bem como na contratação de serviços e projetos.
Se este projeto realmente vinher a ser executado, beneficiará de forma grandiosa a cidade, preservando os recursos naturais.
 
 


0 comentários: