quinta-feira, 29 de outubro de 2009

Notícia - Incêndio criminoso destrói parte de Zona de Proteção Ambiental/ Natal-RN


Um incêndio criminoso destruiu aproximadamente oito hectares de mata nativa da Zona de Proteção Ambiental (ZPA-1), na Avenida Tarcísio Maia, entre as avenidas Jaguarari e Omar O’grady, em Candelária, na zona Sul da capital. O fogo, iniciado por volta das 10h da manhã de terça-feira (27), somente foi controlado por volta das 14h pela equipe do Setor de Manejo da Semurb e Corpo de Bombeiros.


O autor do incêndio, um homem contratado para limpeza de uma área particular, foi preso em flagrante e conduzido a Delegacia Especializada em Proteção ao Meio Ambiente (Deprema) pela Guarda Ambiental. Ele irá responder a inquérito policial por prática de crime ambiental. Além disso, o proprietário do imóvel que deu a ordem para a queimada também responderá a inquérito e poderá ser preso.

A área atingida é composta por dunas e tabuleiros cobertos por vegetação característica do bioma de Mata Atlântica, com espécies nativas de plantas e animais endêmicos. De acordo com o chefe do Departamento de Conservação e Recuperação Ambiental da Semurb, Gustavo Szilagyi, várias tocas e ninhos de animais como tatus, corujas, cobras e pássaros foram destruídas. “Nosso próximo passo será a elaboração de um relatório técnico com todas estas informações para ser anexado ao inquérito policial”, disse.

O secretario adjunto de Gestão Ambiental da Semurb, Ariosto Costa, informou que várias providências estão sendo tomadas para evitar outras queimadas no local. Segundo ele já foram realizadas reuniões entre a Secretaria e o Corpo de Bombeiros visando a formação de uma brigada de incêndio para a área, além disso, outras ações emergências estão sendo tomadas como a capacitar e mobiliar os guardas ambientais no combate a incêndios.
Provocar incêndio em mata ou floresta é crime inafiançável com pena de um a quatro anos de reclusão. Os responsáveis foram enquadrados no artigo 41 da Lei nº 9.605/98 (Lei de Crimes Ambientais).
 É impressionante o descaso das pessoas com o meio ambiente! Ainda não conseguem enxergar que ao destruir os recursos naturais estão de certa forma se auto destruindo.  Provocam incêndios como se não fossem crime, como se não houvesse lei. Seria ótimo, se assim como nesse caso a lei ambiental vigorasse.

1 comentários:

Pollyana Gomes disse...

Eu tinha visto essa reporagem na internet! Tenho certeza que esse homem achou q não ia ser punido por isso!
Ta otimo seu blog Looo...
beijao amiga! Aparece lá no meu!